Tag Archives: Ricardo andorinho

Linkedin- Quantidade vs Qualidade

Guest Post: Ricardo Andorinho Muitas pessoas dizem que a quantidade da rede de contactos no Linkedin não interessa. O que interessa é a qualidade. Espero que no fim deste artigo possam entender que esta perspectiva, com todo o respeito por todas as pessoas com uma conta Linkedin criada, não está correcta e passo a explicar o porquê com alguns exemplos: A quantidade é um número e portanto objectivo. A qualidade é um valor subjectivo e muda de usuário para usuário.

Estratégia Google

Guest Post- Ricardo Andorinho O fenómeno Google como todos o conhecemos é resultado da combinação de um vasto conjunto de variáveis. É razoável dizer que o conhecimento técnico e a estratégia escolhida foram e continuam a ser duas das variáveis chave para o sucesso da organização. A Google foi fundado em 1998 e desde aí que a empresa não pára de nos surpreender, dada a velocidade com que consegue lançar produtos e reinventar os existentes. Muita coisa mudou, mas existe

Nova Formação Linkedin – Porto & Lisboa

DATA – 28 de Julho – 18h30 / 21h30 formadores: Rui Pedro Caramez & Ricardo Andorinho Porto e Lisboa Locais: Lisboa – SANA Lisboa Hotel Av. Fontes Pereira de Melo, nº 8 1069-310 Lisboa Telf. +351 21 006 43 00 Telf. Dir.: +351 21 006 43 06 Fax. +351 21 006 43 45 –  www.sanahotels.com Porto – IPAM Av. da República 594 4450-238 Matosinhos Telefone +351 229 398 080 Fax +351 229 382 800 Inclui livro “Linkedin – como rentabilizar

Redes Sociais na Revista Exame

A edição do mês de Março da Revista Exame apresenta um painel executivo dedicado às redes sociais. Juntamente com Ricardo Andorinho e o Hélder Falcão foram apresentados elementos importantes para reforçar a envolvimento das empresas nas redes sociais Redes Sociais – painel executivo_311 Comentem também as vossas opiniões aqui no Linkedportugal.

Guest Post: Ricardo Andorinho – Linkedin and Me

Como admirador confesso do Linkedin sinto sempre que não consigo estudar a plataforma de forma a satisfazer os meus interesses a 100%. Contudo não é menos verdade que se contabilizasse objectivamente as horas que investi seria obrigado a responder que são exactamente proporcionais ao número e conteúdo das recomendações que tive, ao valor das respostas e mensagens que recebi, ao facto de ter uma rede directa com mais de 10,000 contactos, de ter conseguido publicar um livro nos EUA com