6 Erros Comportamentais a evitar no Linkedin

Todos os dias, diversos membros do Linkedin procuram entender como optimizar a sua presença nesta plataforma, tentando “agitar as águas virtuais” para aumento da sua notoriedade, dos seus contactos profissionais, entre outros. Neste exercício, cometem-se erros ou atividades que considero incorrectas e que podem penalizar a sua imagem.

Neste artigo, irei procurar identificar 6 erros a evitar quando utilizamos o Linkedin.

1. Não ter um propósito ou não entender porque estamos no LinkedIn Parece ser uma pergunta demasiado existencial! Há inúmeras razões para estar no LinkedIn e podemos ter várias. Os meus propósitos estão associados ao reforço das relações profissionais e o desenvolvimento da minha marca pessoal. Porque compreendo os meus objetivos, oriento as minhas ações para fazer cumprir estes propósitos.



O que devo fazer:
a. Anote as 3 principais razões pelas quais está no LinkedIn
b. Determine quais as acções a apoiar para cada um dos propósitos.

2. Não participar
Há quase 90 milhões de pessoas no LinkedIn e a grande maioria não “mexe”! Diria que 80% do tráfego no Linkedin é gerado por 20% dos utilizadores. Sem compreender o seu propósito não é possível saber quais as ações a tomar que irão produzir um resultado positivo.



Recebo muitas vezes emails a dizer: “Pedro, perco muito tempo no Linkedin mas não faço nada!”. Na maioria das vezes o sucesso no Linkedin é construído a longo prazo. O processo de relacionamento com outros utilizadores demora tempo. NÃO TENTE VENDER À PRIMEIRA MENSAGEM! A paciência é importante para continuar a participar mesmo quando não está a ver resultados.

Não há garantias de que os seus esforços produzam resultados, mas se não participar de forma consistente, garanto-lhe que não vai encontrar sucesso. Os resultados podem aparecer muito tarde…


O que devo fazer: a. Comprometa-se a tomar medidas semanais (Domingos à noite são excelentes para este processo!)
b. Agende essas atividades
c. Coloque-as no seu Placard ou outro local (ipad, telemóvel, agenda…)

3. Primeiras Impressões

No LinkedIn, as pessoas querem conhecê-lo porque pertence a grupos comuns, porque possui conhecimento e competências importantes ou por outras razões. As pessoas querem visualizar o seu perfil e ter uma compreensão clara de quem é e de que forma podemos reforçar a sua rede de contatos.


QUEREMOS CAUSAR UMA BOA 1ª IMPRESSÃO!


Se não fornecer informações suficientes para que possam encaixar essas duas peças, então não vamos conseguir causar a boa impressão que queremos. Precisamos de ter certeza de que tem um perfil detalhado; que tem uma foto profissional; que apresenta links para os seus projetos… Se tiver a sorte de os levar a ver o seu perfil, terá aprendido a parte mais difícil. Parece uma pena perdê-los simplesmente por não fornecer informações suficientes.

O que devo fazer:

a. Analisar Perfis de outros utilizadores (seguir algumas indicações que tenho dado com dicas para melhorar os perfis no Linkedin
b. Dedicar algum tempo por mês para aperfeiçoar o perfil
c. Personalize o seu perfil, adicione palavras-chave, personalize a sua URL pública…

d. Pergunte-me!!!

4. Não partilhar informações ou não fornecer valor

Se fornecer valor aos outros sem pedir algo em retorno, as pessoas vão começar a gostar de si. GIVER GAINS!!



A maneira mais rápida de gerar boa vontade no LinkedIn é gerar valor para os outros. Não é dificil! A simples atividade de responder a uma mensagem ou a uma solicitação de introdução, oferecer respostas na secção especial do Linkedin ou nas discussões dos grupos. As formas são muito variadas. Tudo o que quer fazer no LinkedIn adiciona ou não valor à sua marca online. Participe de forma consistente e irá compreender que o seu perfil Linkedin vai aumentar a sua visibilidade e as pessoas vão começar a interagir consigo.

O que devo fazer: a. Encontre pelo menos 2 contatos para interagir por semana.
b. Responda pelo menos a 3 perguntas por semana
c. Identifique ligações que merecem uma recomendação! Certifique-se que são pessoas que o merecem.

5. Falta de credibilidade

Como podemos reforçar a credibilidade no Linkedin.



A. Perfil: as primeiras impressões!!
B. Respostas: uma ótima maneira de demonstrar o seu conhecimento e experiência. Sempre que responder a uma pergunta, todos os seus contatos diretos são também informados de que respondeu a uma pergunta.

C. Recomendações: Não há nada melhor do que receber recomendações de colegas, clientes ou parceiros de negócio.
D. Contatos: Já muito se discutiu sobre o fator Quantidade e qualidade de contatos no Linkedin.
E. Grupos: São sempre uma forma de nos associarmos a outros utilizadores. Normalmente, será este denominador comum que nos ajuda a convidar outros utilizadores!
F. Criar Valor!!

O que devo fazer: a. Responder a pelo menos 3 perguntas por semana nas suas áreas de interesse.
b. Procure obter 5 recomendações para reforçar o seu posicionamento na rede Linkedin!
c. Aumente a sua base de contatos.
d. Encontre 50 grupos que sejam relevantes para si (10/20 grupos: áreas de especialidade; 10 grupos: com base na área geográfica; 10 grupos: área de negócio; 10 grupos: interesses pessoais) e PARTICIPE.
e. Procure todas as oportunidades para ajudar os outros.

6. Falhas na comunicação

Muitos dos utilizadores inundam os grupos e as caixas de correio dos seus contatos Linkedin com informação irrelevante ou imprópria para esses espaços. Cada grupo tem as suas regras para lançamento de discussões, partilha de informação promocional ou empregos. Tenha um cuidado especial para que outros membros não o considerem spammer e o eliminem das suas redes de contatos. A estratégia de comunicação deve ser ponderada para incluir conteúdo pertinente para a sua rede e não apenas os serviços da sua empresa. QUEREMOS CRIAR RELAÇÕES DURADOURAS!!!



O que devo fazer:

a. aproprie-se das regras de cada grupo Linkedin

b. partilhe conteúdo relativo à sua área de negócio; área de especialidade, área de interesse, área geográfica…

c. Não partilhe aquilo que não gosta que os outros partilhem na rede!

421 comments

  • Rose Mary

    Gostei muito das dicas, pois sou estreiante e estou descobrindo esta ferramenta de contato.

  • Sergio Almeida

    Muito bom, me ajudará a melhorar meu perfil, parabéns.

  • Esse material me fez refletir sobre meus objetivos no Linkedin. Aproveitarei as dicas com muita satisfação. Obrigada por compartilhar!

    Sandra

  • Muito claro e objetivo. Um texto bem proveitoso para reforçar meu interesse no Linkedin. Agradeço as orientações.

  • Helder

    Artigo útil e interessante. Abrir seu perfil para “+ de 90 milhões de usuários no linkedin”, requer prudencia, responsabilidade e compromisso.
    Grato
    Helder

  • Nelson

    Parabens pelo artigo,
    Este artigo me fez ver como estamos deixar de utilizar corretamente uma ferramenta importante para a nossa vida profissional, utilizar frequente e corretamente.

  • Maria Auxiliadora

    Gostei muito dessa matéria. Será muito útil para que eu possa aprender a utilizar a ferramenta com mais consistência e melhor resultado. Obrigado!

  • Rodolfo Couto

    Parabéns, muito bom mesmo!

  • Gláucio

    Muito bom esse esclarecimento.

  • Luciano

    Ótimas dicas, não basta estar no linkedin, tem que participar.

    Grato.

    Luciano

  • Reginaldo

    Artigo muito bom! Me ajudará a aproveitar melhor o linkedin.

  • wilson mendes

    Achei bastante interessante este artigo e como sou novo nesta rede de relacionamentos, acredito que será de extrema importância e reflexão sobre como utilizar este site.

  • ademar

    Boas dicas.
    Precisamos mesmo nos abituar a ser comprometidos com nossos abjetivos.

    grato pelas orientações
    ademar

  • Horison Lopes de Oliveira

    Um assunto muito importante. Para credibilidade da ferramenta e para uma interação produtiva todos nós precisamos estar atentos às dicas.

  • José Antônio Rodrigues

    Artigo muito bom. Gostei.

  • Muito bom, Muito bom Mesmo
    Att Dauto.

  • bom dia ,as informações contidas neste artigo são importantes para quem está iniciando no Linkedin,obrigado

  • Thais Amerio

    Essa matéria foi ótima. Sou nova no LinkedIn e até então não tinha conhecimento da ferramenta que tenho em mãos. Obrigada!!

  • Nilton Jesus de Carvalho

    Ótimo comentário.Não acho que o Linkidin possa ser confundido com outros meios de relacionamentos.Aqui a coisa deve ser séria.

  • Nilton Jesus de Carvalho

    Ótimo comentário.Não acho que o Linkidin possa ser confundido com outros meios de relacionamentos.Aqui a coisa deve ser séria.

  • Osmani Pinheiro

    Extremamente apropriado, seus comentarios e sugestões, sobre coisas que parecem obvias, mas não praticamos ou em muitos casos praticamos e não sabemos porque.

    Parabens pela iniciativa.

    Osmani Pinheiro

  • Com certeza é fundamental a interação com os grupos que se identificam com o perfil de cada um, participando de comentários, questionando e propondo posições alternativas, contribuindo e recebendo informações e dados participando do crescimento e assim agregando valor aos profissionais. Obrigado por esta oportunidade.

  • Wilson Soares

    Muito bom o artigo, ajudará e já ajudou muita gente a entender o propósito do Linked In. Parabéns !

  • Marcos Latorraca

    Muito interessante. Começarei a mudar meu perfil à partir de agora.

  • Flávio Nascimento

    Ótimo direcionamento!
    Realmente o tamanho e quantidade de informações do LinkedIn fazem com que fiquemos sem Norte.

  • Karenny Lima

    Muito interessante esse artigo,nos dias de hoje a pessoas teu um grande tendência em misturar pessoal com profissional, o Linkedin é uma ferramenta profissional muito interessante para ser desperdiçada.

  • Ton Zahlouth

    Realmente todos nós participantes do Linkedin, devemos ter cuidados para mantermos o melhor relacionamentos nesta rede. Devemos ser objetivos e profissionais, afinal, o mercado exige isso, e o Linkedin é uma excelente ferramenta para ser visto, ver os outros e porque não, ter acesso a oportunidades. Concordo com os seis tópicos que você identificou como alguns dos erros mais comuns pelos participantes.
    Valeram as dicas!!

  • Manoel Rangel

    Artigo curto e objetivo. Eficiente para todos os profissionais. Parabéns!

  • Mauro Augusto

    Muito Bom! Com isso aprendemos o verdadeiro significado e propósito do site!

  • Alex

    Excelente dica, obrigado e parabéns!

  • Silvio Balieiro

    É verdade, na grande maioria somos observadores, temos de ser mais participativos.

  • Eduardo

    Muito boas as colocações de V. Sa.

  • Cláudio

    Muito bom o artigo! Útil e pertinente. Parabéns!

  • Excelente artigo. Parabéns.

  • Mariza Honorio

    Muito bom esse artigo. Parabéns!

  • Zelia Fonseca

    `
    Parabéns, estas dicas são bem esclarecedoras. Estou chegando agora no Linkedin, estou apredendo como funciona esta rede de relacionamento, meu tempo para acessar redes e interagir com outros grupos é restrito, por isto quero aproveitar ao máximo as dicas e conselhos para fazer valer a pena conhecer e ser conhecida por todos os contatos que alcançar.

    Zélia Fonseca.

  • Jônatas

    Estou começando a utilizar o Linkedin agora e esse seu artigo caiu como uma luva para mim, fico muito grato ao Sr. Pedro Caramez por disponibilizar essas informações muito úteis de como utilizar de forma segura esta rede social.

    Muito Obrigado!

  • Pedro Cipriano

    Sr. Pedro Carame , informações muito importantes.
    Muito obrigado !!!

  • Marcos Subtil

    Otima colocação sobre o Linkedin

    Assim como cuidamos e procuramos estar sempre bem apresentado, temos que cuidar de nossa identidade virtual.
    Podemos tirar muito proveido e agregar conhecimetos, melhorar nossa rede de relacionamento e assim fazer muitos negocios.

    Parabens pela iniciativa, informação nunca é demais.

  • Fernando Paim

    Parabéns! Concordo em gênero, número e grau com o articulista. As redes sociais profissionais devem ser utilizadas com criterio e sabedoria, pois agregam valores em progressão geométrica, porisso demandam investimentos temporais. Nem tudo é Facebook.

  • Carlos Homrich

    Excelente !

  • Oériton Santos Candioto

    Atitudes simples, rapidas e praticas.
    Parabéns.

  • Renato Luiz Paixão

    Quando recebi o convite do linkedin, pensei ser mais umas dessas redes socias que não acrescentam nada, até resisti um pouco em aceitar o convite e explorar a rede.
    Agora vejo que realmente temos uma ferramente util e poderosa em nossas relações interpessoais, e acredito que será tendencia, portanto temos que explorar , e com essas dicas com certeza vamos saber fazer de forma correta para que a essência não se perca.

    Att.

  • Rose Guimarães

    Muito apropriado o artigo uma vez que estou entrando agora no linkedin e já causou uma boa impressão.

  • Excelente e muito pertinente a novos participantes e àqueles não-orientados.
    Obrigado,
    Alberto Caldeira

  • alexandre

    Gostei muito desta publicação .

  • João Paulo

    Olá. Sou profissional de TI no Brasil e estou finalizando meu perfil no Linkedin. Interessei-me pelo tópico e achei de grande auxílio.
    Agradeço.

  • Xavier Culandi

    Muito interessante!

  • Edvaldo

    Excelentes dicas. Vou finalizar o meu perfil.

  • Parabéns pela visão inteligente e atualizada sobre o relacionamento coorporativo pela web, sobretudo o quanto temos que aprender a respeito de uma relação que cada vez mais te exige uma vida online e atuante. Minha Mãe de 63 anos faz amizade no facebok e encontra parentes e amigos na rede, esta possibilidade (canal) de relação tem muito a ser desenvolvida e apreciada por pessoas de bom senso e visão de coletivo. Este é o mundo que diziamos a poucos anos atrás que era o futuro, mas já é o presente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *