Monitorize o seu Processo de Procura de Emprego no Linkedin

Procura novas oportunidades de emprego via Linkedin?

Acha que está a fazer tudo bem no Linkedin mas não mede as suas ações? Então qual o real volume de ações que realiza no Linkedin e que resultados está a produzir?

Este artigo pretende oferecer-lhe um conjunto de indicadores para que possa monitorizar a sua performance na procura de um novo desafio. Muitos dos profissionais que procuram novas oportunidades não medem os resultados das suas atividades e complica a análise sobre os seus esforços nesta atividade tão importante.

Semanal ou mensalmente, acompanhe estes KPI’s Linkedin para poder avaliar as suas acções. Sem avaliar, não terá resultados para reajustar o seu plano de volta ao mercado de trabalho.

saiba mais sobre os maiores segredos sobre a Procura de Emprego através do Linkedin e que Nunca Ninguém Lhe Mostrou…


 

# 1 – Visualizações de Perfil 


As visualizações ao nosso perfil são uma consequência de grande parte do trabalho realizado no Linkedin. A rede oferece-lhe vários gráficos com uma análise temporal de 90 dias.

Números baixos indicam atividade fraca! Não existe um número ideal de visualizações mas pode fazer uma análise comparada com outros profissionais (ver KPI #2). Avalie a oscilação ou regularidade semanal no gráfico. Se o número de visualizações diminuir, aumente as suas ações. O gráfico indica ainda um resumo das suas atividades.



Como potenciar as visualizações ao seu perfil?

1. Construa um bom perfil. Descarregue esta checklist.

2. Publique conteúdo regularmente nesta área de publicações longa (Pulse).

3. Partilhe conteúdo no seu mural de atividades.

4. Goste, comente ou (com)partilhe conteúdo de outros membros da sua rede.

5. Mencione os perfis de outros membros da sua rede nos conteúdos partilhados.

6. Participe ativamente em Grupos.

7. Comente atualizações de páginas de empresas.

8. Goste, comente ou (com)partilhe publicações no Pulse.

9. Envie mensagens privada para membros da sua rede de contacto.

10. Goste, comente ou (com)partilhe publicações nas páginas Universitárias.

11. Visite perfis de outros utilizadores na rede.

 

# 2 – Classificação entre Visualizações de Perfil 


Outro gráfico interessante é a sua classificações entre membros da sua rede de contactos. Os seus resultados permitem posicioná-lo face aos demais utilizadores. O Linkedin indica também o índice de visualizações face aos colaboradores da sua empresa.



# 3 – Número de conexões


Esta é uma métrica muito discutível!No entanto, as oportunidades vão seguramente aumentar com uma rede mais desenvolvida – com uma rede de contactos mais alinhada com os nossos potenciais empregadores! Leia artigo:Devo conectar-me a recrutadores no Linkedin?



Como identificar o nosso número de contactos?

Na opção Rede, selecione nos filtros para surgirem apenas contactos Linkedin e depois faça scroll e irá surgir o seu número de contactos.

Determine os seus objetivos para cada tipologia de perfil!

 

saiba mais sobre os maiores segredos sobre a Procura de Emprego através do Linkedin e que Nunca Ninguém Lhe Mostrou…


 

# 3 – Número de Convites Linkedin


Esta será uma das demonstrações da sua proatividade! Identifique os perfis tipo a contactar! Determine um número de convites por perfil para depois avaliar a sua ação semanal / mensal.

Perfil 1 – Recrutadores, Headhunters e Profissionais de Recrutamento & seleção

Perfil 2 – Técnicos, assistentes e diretores de Recursos humanos das indústrias alvo

Perfil 3 – os profissionais que poderão ter um papel decisivo na sua contratação (ex. CFO, CEO, etc.)

Perfil 4 – Pares – profissionais que atuam no seu mercado alvo.

Não vai ter 100% de sucesso nos convites, ou seja, nem todos os profissionais vã aceitar o seu pedido mas leia este artigo antes de começar a fazer esta ação importante – Como redigir o Convite Linkedin Perfeito?


# 4 – Número de Candidaturas


As candidaturas a emprego são naturalmente um indicador importante. Estas podem encontrar-se em vários locais no Linkedin:

1. Página Oficial de Emprego

2. Página de Carreiras em Página de Empresa

3. Atualização de Estado em Página de Empresa

3. Debate dentro de Grupo

4. Debate sobre Emprego dentro de Grupo

5. Atualização de Estado de Utilizador na Rede.

6. Artigo no Pulse por parte de Utilizador.

7. Atualização de Estado em Página Universitária.



Embora nem sempre consiga identificar potenciais vagas de emprego, é expectável que possam surgir em todos estes locais. O número de candidaturas realizadas a partir de informação colocada no Linkedin será um dos KPI mais relevantes.


# 5 – Número de Grupos que Integra + Grupos Visitados 


O utilizador pode integrar 50 grupos em simultâneo (os sub-grupos não contam) e deve fazer uma escolha criteriosa! Onde poderão estar os seus recrutadores? Quais os grupos da minha área de especialidade? da minha universidade? da minha região?

Para além do número de grupos, semanal / mensalmente (dependendo da sua análise), deve realizar uma visita para visualizar alguma oportunidade de emprego que possa constar. Os utilizadores ficam diversas vezes com a sensação que lhes escapou uma oportunidade! Esta visita pode, pelo menos, dar-lhes a certeza de que foram visualizadas essa possibilidade e que estavam ou não ofertas de emprego.


# 6 – Número de Mensagens Enviadas


O Linkedin permite que o utilizador possa enviar uma mensagem privada para membros da sua rede! Quando o convite é aceite, o utilizador não deve desperdiçar esta oportunidade para iniciar uma diálogo com o nova conexão. O número de mensagens vai indicar o seu nível de proatividade!


# 7 – Número de Atividades 


Uma das estratégias do utilizador dar vida à sua ação Linkedin é a realização de atividades no seu mural: gostos, comentários e partilhas.



No separador Perfil, identifique um menu pendente e a última opção indica-lhe o número de atividades realizadas nos últimos 30 dias.

Vamos a isso?

Construa o seu plano para registar todos estes indicadores e comece AGORA! Partilhe comigo os seus resultados!

 


saiba mais sobre os maiores segredos sobre a Procura de Emprego através do Linkedin e que Nunca Ninguém Lhe Mostrou…


 

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *