Linkedin e o Lago dos Tubarões

Sabia que todos os dias navega numa rede infestada de tubarões cheios de fome de projetos e ideias poderosas?

Mas onde estão essas águas “turbulentas”?

Sou um adepto atento ao programa de televisão Shark Tank como muitos dos leitores. Já conhecem os tubarões? Vejam os seus perfis!

shark tank linkedin

 

 

robert herjavac linkedin

O Mark e a Barbara publicam com muita regularidade no Pulse e podem segui-los e acompanhar os seus textos. A Barbara tem alguns portugueses na sua rede direta! O Daymond parece-me muito aberto a convites e também tem vários portugueses na sua rede!

O Robert e o Kevin são os menos entusiastas e apresentam uma rede de contatos muito pequena.

Para os super fãs, o programa tem um grupo de discussão para debater os episódios semanais.

grupo shark

 

Existem mais tubarões e podem se revelar importantes para quem procura investimento. Embora alguns menos mediáticos, podem ser encontrados no Linkedin.

 

Como procurá-los?

1. Defina as palavras-chave em português e inglês que estão possível associadas a esta atividade de investidor.

Exemplos: investidor, anjo, venture capitalist, VC, Business Angel, angel investor, accredited investor, seed funds.

 

2. Pesquisa por pessoas, grupos e empresas. Selecione filtros de localização e até sector de negócio. A pesquisa simples por grupos apresentou bons resultados!

grupo angels

 

3. Cuidados especiais na ligação ao utilizador especial! Avaliem previamente o perfil para detetar alguns elementos – número de contatos, perfil completo e outras ligações.

 

4. Conexão com convite personalizado!

 

5. Comece a fase de relacionamento! Não queira chegar demasiado cedo ao objetivo final. A primeira parte está concluída, agora dê tempo para que a pessoa conheça as suas publicações ou partilhas e estabeleça contatos regulares (sem querer parece inconveniente!).

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *