Perfil LinkedIn a 100%: o que está diferente

O blogue do LinkedIn anunciou a semana passada, que os perfis mais completos são classificados como “mais relevantes” do que perfis incompletos no sistema de pesquisa do LinkedIn. Anteriormente, o LinkedIn determinava um Perfil a 100% em função de elementos de perfil que não eram totalmente controlados pelo utilizador. A maioria das pessoas ficavam nos 85% porque não tinham qualquer recomendação, o que realisticamente estava fora do controlo de um utilizador. Esta alteração a este dado relevante,  vai reforçar o preenchimento de seções do perfil que pode controlar, como a adição de uma foto ou a adição de posições passadas. Sempre que uma pesquisa LinkedIn é executada, o LinkedIn tem a sua própria relevância que vai tipicamente nesta ordem:
  • Contatos de 1 º grau,  que estão 100% completos, que têm mais contatos em comum e mais grupos partilhados e classificados por ordem decrescente;
  • Contatos de 1 º grau, que estão 100% completos e classificados por ordem decrescente;
  • Contatos de 2 º grau, que estão 100% completos e classificados por ordem decrescente;
  • Contatos de 3 º grau, que estão 100% completos e classificados por ordem decrescente;
  • Agrupar contatos partilhados que são de outra não relacionada com você, de 100% completa ou a mais próxima a ele, e classificados por ordem decrescente;
  • Todos os utilizadores Linkedin com perfil completo;
  • Todos os utilizadores Linkedin com perfil baixo;
7 Passos para que o seu Perfil Linkedin esteja a 100% e melhore a sua visibilidade nas pesquisas LinkedIn:
  • Adicione uma foto ao seu perfil
  • Liste um mínimo de 2 posições passadas que realizou, juntamente com as descrições destas funções
  • Liste 5 ou mais habilidades no seu perfil
  • Escreva um resumo sobre você
  • Preencha o seu código postal e Indústria
  • Adicione as entidade onde obteve a sua formação académica ou profissional
  • Tenha 50 ou mais contactos de 1ºgrau.

3 comments

  • Pingback: Linkedin (In)Action! 10 Dicas para não ter visibilidade no Linkedin |

  • Caro Pedro,

    Estas alterações fazem sentido, no entanto há uma situação que faz com que o meu perfil não esteja 100% completo neste momento e que também está fora do meu controlo. O facto de não ter uma posição atual (estou desempregado) e a respetiva descrição do cargo atual faz com que o perfil esteja apenas 85% completo. Eu queria evitar esta situação mas não sei como, pois não quero colocar uma função atual do género “Desempregado @ Desempregado”.

    Alguma sugestão?

    Cumprimentos,
    Jóni Sousa

  • admin

    Boa noite JOni,

    A solução pode passar por identificar a sua atividade atual como Human Resource Freelancer at Freelance, por exemplo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *