Business Chamber a “nova” rede social profissional

Guest Post – Tiago Valente

Desconhecida para muitos, já conhecida para outros, chama-se Business Chamber e é a “nova” rede social. Intitula-se como sendo a melhor ferramenta, gratuita, para networking local.



A grande diferenciação do Business Chamber perante o Linkedin, é tratar-se de uma rede local de contactos, e não global. Esta distinção, é feita logo no acto de inscrição, pois questionam-nos em qual “sala”, isto é zona, nos pretendemos inscrever. Após a inscrição existe a possibilidade de importarmos o nosso perfil do Linkedin ou personalizarmos manualmente a nossa conta. De seguida, somos direccionados para a página de entrada da área local, ou seja, da zona onde nos registámos (por exemplo, Lisboa). Os contactos que visualizamos na rede, necessidades, grupos e artigos são apenas desta zona, também. Tendo uma opção em cima para poder visualizar outras áreas (fora da nossa rede).

Numa primeira abordagem esta plataforma é muito semelhante ao Linkedin, tendo as funcionalidades mais comuns (grupos, discussões, recomendações, contactos), sendo particularmente distinta nos tópico a preencher do perfil, pois é muito detalhada (chegando ao mesmo ao exagero, visto tratar-se de uma rede para contactos profissionais). Estas informações vão desde gostos pessoais (como interesses de autores, livros favoritos e frase preferida), até à possibilidade de listar produtos e serviços de forma mais detalhada, ou seja, fazer marketing no próprio perfil do nosso negócio ou empresa.

Os critérios de pesquisa também são diferentes. Para aparecermos nas pesquisas e directórios de membros, é necessário termos o perfil completamente preenchido, pois só assim, apareceremos nos resultados de pesquisas. Ao passo que no Linkedin, não exclui da pesquisa perfis incompletos, pois não faz essa distinção.

Uma funcionalidade interessante, senão a mais (e talvez única), é uma secção chamada de “Needs”. Aqui o utilizador pode expor algo que precise ou esteja à procura, podendo depois ser consultada por área/zona e, ficam expostas não só na página de entrada como também no perfil de casa membro.



Por fim, relativamente ao design, esta rede não tem espírito próprio pecando assim (a meu ver), pela falta de originalidade na sua imagem, pois até a cor do próprio site e logótipo (que por sinal também é demasiado simples), fazem assemelhar-se com o Linkedin. Terá isto sido feito isto de forma intencional?! Fica a dúvida…

Por outro lado, a informação da página de entrada, está muito bem organizada e bastante centralizada, dando para ter uma visão geral das novidades na nossa rede. Já na página de cada perfil, esta torna-se a assemelhar ao famoso Linkedin, uma vez mais.

Concluindo, num conto geral, esta rede não traz nada de novo e de grande diferenciação, até à data, perante o “gigante”, Linkedin. Tornando-se assim, mais uma das muitas, que ainda irão certamente surgir.

Tiago Valente                                                                                                             25 de Fevereiro de 2010
REDES SOCIAIS www.linkedin.com/in/tiagomvalente www.thestartracker.com/talent/?c=36094
www.businesschamber.com/member/tiago-valente www.twitter.com/tiagomvalente

2 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *